terça-feira, 26 de setembro de 2017

Pão Caseiro.

Esta receita de pão salgado é uma deliciosa sugestão para o café da manhã e da tarde.

Ingredientes:

1 copo (americano) de leite morno
2 copos (americano) de água
½ copo (americano) de óleo
2 ovos
2 colheres (sopa) de açúcar
1 colher (sopa) de sal
1 e ½ kg de farinha de trigo ou farinha suficiente até dar o ponto.
50 gramas de fermento ou 2 envelopes de fermento em pó.
Modo de Preparo: 

Bata no liquidificador os ovos, o leite, a água, o óleo, o açúcar, o sal e por último o fermento.
Depois de bater, despeje em uma vasilha e vai colocando a farinha aos poucos e misture.
Amasse até dar o ponto de enrolar. Enrole os pãozinhos e coloque em uma forma untada, deixe crescer e após coloque para assar em forno já quente por mais ou menos 20 minutos ou até observar que já está assado.
(Créditos das Fotos: Andréia Ribeiro - Receita testada e aprovada)
segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Quatro Remédios Naturais para Cisto no Ovário e Mioma.

Primeiramente vamos explicar a você o que é o Cisto no ovário e o que é Mioma.
O cisto de ovário é uma alteração benigna, que pode aparecer em mulheres jovens e idosas, e que não tem relação com câncer na imensa maioria dos casos. O cisto ovariano é uma lesão que, quando pequena, não costuma provocar sintomas e pode desaparecer espontaneamente com o tempo.
Eles são como pequenas bolsas cheias de líquidos, que podem nascer tanto fora, quanto dentro do ovário.
Esse processo ocorre quando a mulher atravessa o período de ovulação e desenvolvem, naturalmente, pequenos folículos.
Quando essas bolsas não são removidas, tendem a aumentar e iniciar a formação dos cistos ovarianos.
Uma dor aguda no abdome pode ser um sinal de que este mal está por perto.
O mioma é um tumor benigno derivado do músculo liso do útero, muito frequente em mulheres com mais de 35 anos de idade.
É muito grande a quantidade de mulheres que têm mioma, boa parte só fica sabendo quando faz o exame ginecológico.
A medicina natural vê como as principais causas do desenvolvimento de um mioma o uso de anticoncepcionais e as carnes, especialmente o frango, devido à grande quantidade de hormônios e aditivos.
As mulheres que são obesas têm mais risco de desenvolver um mioma. Mas as magras não estão livres da doença, pois há outros fatores de risco, como a idade e o estado emocional (estresse, ansiedade, autocrítica exagerada).
Existem dois excelentes tratamentos naturais que servem para mioma e para cistos no ovário e estas plantas você poderá encontra-las em lojas de produtos naturais.  São eles:

Aipo e Melão

O aipo é também chamado de salsão.
Bata no liquidificador 1 xícara de melão picado e 2 talos de aipo. Comece com o melão e, depois, adicione o aipo.
Se for preciso, para facilitar a mistura, acrescente um pouco de água.
Tome imediatamente.
Atenção: o aipo não pode ser consumido por mulheres grávidas. E, se tiver pressão baixa, faça o suco apenas com melão.

Unha-de-gato e uxi-amarelo

É o nosso remédio caseiro favorito para mioma. Faça, pela manhã, o chá de unha-de-gato. Ferva meio litro de água (de preferência em panela de vidro ou inox), adicione uma colher de sopa da erva e leve ao fogo até ferver.
Consuma pela manhã, morno e em duas doses. À tarde ou à noite, faça o chá de uxi-amarelo, da mesma forma como você fez o outro.
Espere ficar morno e beba em duas doses.

(Esta matéria é informativa e não substitui o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.)
Fonte da Pesquisa: Cura pela Natureza.
domingo, 24 de setembro de 2017

Gelatina com Creme de Leite.

Ingredientes:

2 caixinhas de gelatina de morango
1 caixinha de creme de leite
2 colheres de sopa de açúcar
Modo de Preparo:

Prepare as gelatinas conforme ensina na caixinha, mas com menos água para ficar mais firme. Depois coloque no liquidificador a gelatina, o creme de leite e o açúcar e bata por 2 minutos. Coloque em uma vasilha e leve a geladeira por 4 a 5 horas.
A gelatina separa do creme de leite e ficam 2 camadas.
Depois de pronta é só saborear esta deliciosa receita.
(Créditos das Fotos: Andréia Ribeiro - Receita testada e aprovada)
segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Macarrão Diferente.

Ingredientes:

500 g de macarrão parafuso ou outro de sua preferência
4 batatas médias cozidas
1 lata de creme de leite
1 lata de milho verde
100 g de mussarela fatiada
100 g de presunto fatiado
1 lata de molho de tomate pronto.
200 g de calabresa processada ou triturada no liquidificador
Modo de Preparo:
 

Cozinhe o macarrão até ficar ao dente. Bata no liquidificador as batatas cozidas com o creme de leite.
Coloque o macarrão cozido em uma travessa grande, despeje sobre o macarrão o molho de batatas.
Espalhe a calabresa e o milho, e coloque o molho de tomate.
Por último coloque o presunto e a mussarela, espalhe gotas de azeite e orégano para decorar.
Leve ao forno por 15 minutos.


(Créditos das Fotos: Andréia Ribeiro - Receita testada e aprovada)
quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Tratamento Caseiro para a Infecção Urinária com Bicarbonato de Sódio e Vinagre de Maçã.

"As mulheres têm períodos da vida nos quais as infecções são mais frequentes: ao sair da fralda, ao iniciar a vida sexual, ao ficar grávida e ao entrar no período pós-menopausa.
Já os homens têm mais infecções após os 50 anos, devido aos problemas de próstata.
Mas, mesmo nesta faixa etária, as mulheres ainda têm mais infecção do que os homens.
Isso provavelmente se dá porque as infecções urinárias ocorrem por penetração de bactérias pela uretra e os homens, por terem uretra mais longa, são naturalmente mais protegidos.
Se você já teve uma infecção urinária, certamente já conhece bem o problema.
Ele começa com uma necessidade frequente de ir ao banheiro. A pior parte é a sensação de queimação terrível que se sente na bexiga ou uretra. As infecções urinárias são tratadas com antibióticos, às vezes até com uma dosagem muito exagerada.

Existem dois excelentes remédios naturais para infecção urinária. Eles não só servem para combater, como agem como um preventivo. E essa ação preventiva é muito importante, pois é comum entre as pessoas que tiveram infecção urinária voltar a ter o problema.
São eles:

Bicarbonato de sódio

O Bicarbonato de sódio é um remédio natural muito potente para infecção urinária.
Ele neutraliza a acidez da urina, o que é muito importante para vencer a infecção.
O outro grande benefício de bicarbonato de sódio é que ele limpa os rins.
Então, se você tem uma infecção no trato urinário, o bicarbonato de sódio pode ajudar e muito!

Como usar:

Para tratar e curar infecções do trato urinário rapidamente, adicione uma colher (chá) de bicarbonato de sódio em um copo de água filtrada e beba uma vez por dia com o estômago vazio. Ou você pode misturar meia colher (chá) de bicarbonato em um copo de água e beber duas vezes por dia com o estômago vazio.
O bicarbonato de sódio deve ser tomado por pelo menos uma semana para tratar e curar a infecção urinária.
Mas você pode tomá-lo por mais tempo (sem exageros, hipertensos tomar com cautela). Use bicarbonato de sódio vendido em farmácias, que é mais puro.
Vinagre de maçã

O vinagre de maçã é outro poderoso remédio natural para tratar infecção urinária.
É um poderoso tônico de saúde e elixir de cura. Sem dúvida, o vinagre de maçã é um dos mais potentes antivirais, antibacterianos e antifúngicos existentes na natureza.
Ele também ajuda a recolonizar o sistema digestivo com bactérias amigáveis.
Como usar:

Você só precisa misturar uma colher (sopa) de vinagre em um copo de água filtrada e beber de duas a três vezes por dia, pelo menos 20 minutos antes de cada refeição.
Procure um vinagre de maçã de qualidade e de preferência orgânico.
Normalmente este tipo de vinagre você encontra em boas lojas de produtos naturais.

Dicas importantes:

-Beber muita água diariamente é um hábito muito importante para prevenir infecções urinárias.

-Urinar sempre que tiver vontade.
-Sempre urinar e lavar a região logo depois de manter relações sexuais, pois isso reduz as chances de as bactérias entrarem na uretra.
- Após ir ao banheiro, a limpeza deve ser feita de frente para trás: o principal micro-organismo causador da infecção urinária é uma bactéria encontrada na flora intestinal. Assim, após urinar ou defecar, a limpeza com o papel higiênico deve ser feita de frente para trás para não levar bactérias do ânus para o canal vaginal, e se possível, lavar a região."

Fonte da Pesquisa: Cura pela Natureza.
Créditos da foto: Andréia Ribeiro.
(Esta matéria é informativa e não substitui o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico)
terça-feira, 12 de setembro de 2017

Discordar pode. Desautorizar não pode.

"Cada família tem sua criação e seus valores. Quando um casal resolve ter uma vida em comum as diferenças aparecem. Quando resolvem ter um filho, então, os valores a serem passados para essa criança parecem mais diferentes ainda.
Esse é o ponto onde queremos chegar: os pais podem, sim, discordarem em alguns assuntos. O problema começa quando um deles desautoriza o outro na frente do filho.
A discordância entre os pais é saudável para a criança se esta vê que os pais conseguem conversar e chegar a um consenso. O filho percebe que com uma boa conversa, cada um cedendo um pouquinho, ouvindo os argumentos da outra pessoa, se chega a um ponto em comum e tudo se resolve.
O que deixa a criança perdida e sem limites claros é o casal onde a discordância se transforma em desautorização.
É o caso onde a mamãe não deixa o filho passear no parquinho porque tem que fazer a lição de casa. Mas aí chega o papai do trabalho e autoriza a criança ir ao parquinho sem consultar a mamãe ou por achar que mesmo sem ter feito a lição a criança pode brincar. Isso cria um nó na cabeça da criança na questão do "até onde vai o meu limite".
A criança, principalmente dos três aos cinco anos, vai testar os pais até conseguir o que quer. Ela se aproveita dessas situações para alcançar seu desejo.
Se descobrir que com o papai é mais fácil, espera a mamãe sair de perto e pede o que quer para o papai. Se a mamãe é mais "coração mole", o pedido vai esperar o papai sair. Agora, se é chorando ou fazendo um pouco mais de birra ela consegue o que quer, pois é assim que a criança vai agir.
O que fazer?  O ideal é que os limites básicos a serem passados para a criança devam ser discutidos antes entre o casal e depois serem transmitidos para o filho, como doces antes das refeições, hora da lição de casa, passeios, programas de televisão que os pequenos poderão assistir, entre outros.
Se houver uma situação inusitada onde ainda não há um consenso, o melhor é conversar antes de dar uma resposta à criança.
Se o papai não concordou com a atitude da mamãe, que deixou a criança jogar vídeo game mesmo a criança estando de castigo, ele não deve repreendê-la na frente da criança e, sim, chamá-la para uma conversa longe do filho para chegarem a um acordo e isso não mais acontecer.
Se há discussão na frente da criança, esta percebe que os pais não cedem no seu ponto de vista e vai agir automaticamente assim na sua vida, não abrindo mão dos seus desejos, olhando somente para si.
Não podemos "unificar" pensamentos. Isso é uma utopia e completamente abominável. Mas uma boa conversa pode reparar eventuais desequilíbrios entre os pais, mostrando aos filhos que as pessoas têm pensamentos diferentes, sem desrespeito e ouvindo outras argumentações.

Dica:

O não deve ser não sempre. Se a mamãe ou papai não deixa dormir até mais tarde, nem com birra ou choro a concessão deve ser feita.
Ninguém é perfeito, os pais erram também. Se vir que errou, não hesite em mostrar ao seu filho o erro e peça desculpas.
O exemplo é melhor do que as palavras. Mostrar aos filhos que uma boa conversa resolve tudo é melhor do que somente dizer."

Fonte da Pesquisa: Guia do Bebê.
segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Benefícios do Repolho para a Saúde da Mulher e outros.

“O repolho é uma ótima fonte de vitamina C; ajuda a cicatrizar úlceras pépticas; pode ajudar a prevenir o câncer de cólon e os tumores malignos causados pelo estrogênio; além de ser pobre em calorias e rico em fibras, potássio, folato e betacaroteno, um precursor da vitamina A.
Pessoas que consomem grande quantidade de repolho têm menor probabilidade de desenvolver câncer de cólon, graças aos bioflavonóides, aos indóis, à genisteína e a outras substâncias químicas presentes no repolho, que inibem o crescimento de tumores e protegem as células dos danos causados pelos radicais livres liberados quando o organismo queima oxigênio.
Como algumas dessas substâncias aceleram o metabolismo do estrogênio, as mulheres que consomem grande quantidade de repolho têm menos chance de desenvolver câncer de mama, útero e ovário.
 O repolho também é indicado nos casos de úlceras, náuseas, nevralgias, erisipela, gota, reumatismo e rouquidão; bem como é ótimo para o sistema digestivo e para o fígado.
Nos casos citados e como preventivo, toma-se um copo de suco de repolho pela manhã em jejum.
O repolho ajuda na cicatrização de úlceras pépticas, por causa da metionina, um aminoácido encontrado em pequena quantidade nesse vegetal. Basta beber um litro de suco de repolho cru ao dia por no mínimo duas semanas.
Quem tem diabetes pode se beneficiar muito com o repolho. Sabe-se que seu suco, além de reduzir a glicose, ajuda a eliminar o excesso de peso.
O suco de repolho cru pode ser misturado a cenoura ou salsão, para ficar com um sabor mais agradável.”

Fonte da Pesquisa: Cura pela Natureza.
Créditos das foto: Andréia Ribeiro.
(Esta matéria é informativa e não substitui o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.)
sábado, 2 de setembro de 2017

ALERTA: saiba o por quê não é recomendável colocar a Cebola Crua na geladeira.

"Apesar da cebola ser um ingrediente bastante popular, nem todo mundo sabe como se deve armazená-la. Quando são bem conservadas, as cebolas podem durar até meses. No entanto, a geladeira não é exemplo de lugar ideal para guardar alhos e cebolas, pois elas só os conservam por alguns dias. Isso acontece porque a temperatura baixa faz com que os bulbos murchem mais rápido.
Quem explica bem é o Departamento de Agricultura Americano.
Segundo ele, as baixas temperaturas levam o amido da cebola a ser convertido em açúcar, o que acaba acelerando o processo de apodrecimento.

O ideal para conservar a cebola é uma temperatura inferior a que encontramos na maioria das cidades brasileiras. No entanto, nada tão frio quanto o refrigerador da sua casa.
Entre 10 e 25 graus é possível manter o bulbo por um bom tempo.
Além de deixar a cebola murcha, a geladeira também pode causar proliferação de fungos.
Segundo especialistas, as cebolas devem ser guardadas num lugar seco, fresco e bem ventilado, de preferência dentro de sacolas de malha.
A cebola é um alimento de baixa caloria e que deixa qualquer comida de panela mais saborosa.
Ela é rica em vitamina C, complexo B e sais minerais, como fósforo, ferro e cálcio.
Além disso, possui grande quantidade de flavonoides, que têm propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes.
A cebola é excelente contra infecções, por isso combate gripes e resfriados.
Além do mais, colabora no tratamento de problemas nos estômago e ajuda a dissolver coágulos sanguíneos.
É exatamente por todos esses benefícios que vale a pena mudar o hábito de guardar a cebola na geladeira e conservá-la corretamente, para preservar melhor suas qualidades.
Enfim, é hora de você fazer como os especialistas recomendam para tirar melhor proveito desse maravilhoso alimento.” 
Fonte da Pesquisa: Cura pela Natureza.
Créditos da foto: Andréia Ribeiro.
(Esta matéria é informativa e não substitui o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.)

Total de visualizações de página

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *