quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Emocionante História de um Médico e uma Mãe.

Uma mulher chega apavorada ao consultório de seu ginecologista e diz:

-Doutor, o senhor terá que me ajudar num problema muito sério. Este meu bebê ainda não completou um ano e já estou grávida novamente. Não quero filhos em tão curto espaço de tempo, mas num espaço grande entre um e outro...
O médico então perguntou:

-Muito bem, o que a senhora quer que eu faça?

A mulher respondeu:

-Desejo interromper esta gravidez e conto com a sua ajuda.

O médico então pensou um pouco e depois de algum tempo em silêncio disse para a mulher:

-Acho que tenho um método melhor para solucionar o problema. E é menos perigoso para a senhora.
(O vídeo é lindo, mas foi retirado do youtube)

A mulher sorriu, acreditando que o médico aceitaria seu pedido. Ele então completou:

-Veja bem minha senhora, para não ter que ficar com dois bebês de uma vez, em tão curto espaço de tempo, vamos matar este que está em seus braços. Assim, a senhora poderá descansar para ter o outro, terá um período de descanso até o outro nascer. Se vamos matar, não há diferença entre um e outro. Até porque sacrificar este que a senhora tem nos braços é mais fácil, pois a senhora não correrá nenhum risco...

A mulher apavorou-se e disse:

-Não doutor! Que horror! Matar uma criança é crime.

-Também acho minha senhora, mas me pareceu tão convencida disso, que por um momento pensei em ajudá-la.

O médico sorriu e, depois de algumas considerações, viu que a sua lição surtira efeito. Convenceu a mãe que não há a menor diferença entre matar a criança que nasceu e matar uma ainda por nascer, mas já viva no ventre materno.
(Autor Desconhecido)

Você sabe desde quando Deus te ama? Desde o ventre da tua mãe!
"O aborto nunca é uma solução. Ao falar de uma mãe grávida, falamos de duas vidas, e ambas devem ser preservadas e respeitadas, pois a vida é de um valor absoluto".

3 comentários

  1. Essa historia e muito triste sou contra o aborto hj tenho 29 anos des dos meus 15 anos sou mae infelismente perdi minha pequena tiffany com oito meses de gestaçao sofri muito hj ela teria 14anos depois de uns cinco ano tive a giovana hj esta linda completando 11anos dia 24.05 depois de mais cinco ano venho o vinicios que hj tem seus cinco anos e por fim lutei com todas as minhas forças sofri chorei mais tou de pe firme e forte e pra nossa alegria venho meu bebe lindo da mamae o maycon lucas nossa alegria somos felizes todos com saude filhos sao arteiros bagunçeiros terriveis mais quem tem sabe a falta que faz quando estao longe amo meus filhos eu grito brigo chingo tem que bate de vez enquando mais sao meus meus filhos e jamais faria eles sofrerem com um gesto tao cruel tem tanas mulheres que nao podem ter filhos e querem sofrem por nao ter e quem tem ariqueza de poder gerar um em seu ventre tem essa triste incerteza me poupe ne isso pra mim nao e humano essas mulheres que fazem isso sao bicho para mim sinto muito mais isso e real e um castigo que leva para o resto de sua vida meus filhos sao lidos sao minha vida ...

    ResponderExcluir
  2. Tenho 52 anos desde que mim entendo por gente sou contra o aborto tenho dois filhos já adultos sofri muito pra criar e educados o meu sonho era ter no mínimo (05) mais fiquei estéril aos 28 anos , sou feliz por ser mãe e nunca ter feito uma coisa tão cruel e maldosa .mulheres nunca cometam esse crime terrível.

    ResponderExcluir

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *